terça-feira, 17 de março de 2009

Meu marido se apaixonou por outra!

Ou pior, pode ser outro! hahaha Graças a Deus é o meu bebê...

O começo dessa gravidez foi complicado. A gente tava morrendo de medo de acontecer alguma coisa com o bebê, passei mal adoidado, evitamos nos empolgar... Enfim, foi um saco! Tudo melhorou muito depois do primeiro ultrassom, ver o bebê se mexendo, dando tchauzinho, deu aquele alívio básico. Passamos uns sustos, mas no geral foi tudo muito bom depois disso. Só que, lá pela décima-oitava semana, eu comecei a sentir o bebê mexer. Era muito bom, mas o Mike colocava a mão na minha barriga e não sentia nada. Ele ficava todo tristinho, eu via que ele se sentia meio excluído da situação. "É como amar Deus", ele falava, "você sabe que ele tá lá, mas você não vê, é meio difícil estabelecer um relacionamento". Eu ficava meio triste, porque sabia que ele tinha razão, mas queria muito dividir a felicidade com ele. Continuei tentando fazer ele sentir até que, lá pela vigésima-segunda semana ele sentiu. Levou um susto no começo, ficou sem graça. Com o tempo, ele foi perdendo a vergonha, conversando com a minha barriga, colocando a mão toda vez que eu sentia o bebê mexendo... E não é que eles se apaixonaram? Agora, toda vez que o bebê ouve a voz do Mike ou ele coloca a mão na minha barriga - a mão dele é muito mais quente que a minha -, ele fica doidinho! Pula, pula, chuta, é a coisa mais impressionante do mundo! E o Mike tá tão viciado que não pode me ver com a barriga pra cima que já levanta minha blusa e vai procurar o nenê - e ele sempre acha, morro de inveja!
Pois é, é isso: meu marido e meu filho estão apaixonados - e eu estou adorando! :D

3 comentários:

  1. aawwwww q lindo!!!!!!!!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  2. não coloca um título desses pq o coração é fraco!!! hehehe...
    LINDO post, Ana! que seus dois pombinhos continuem nesse love pra sempre! =)

    ResponderExcluir
  3. não coloca um título desses pq o coração é fraco!!! hehehe... [2]

    gostei muito do post.

    é por essas e outras q o segundo filho [como eu] é o excluído. hehehe.

    ResponderExcluir

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...