quarta-feira, 12 de outubro de 2011

O dilema.

Estive - e talvez ainda esteja - a um passo de abandonar minha carreira fotográfica. Muitas coisas frustrantes acontecendo e, bom, eu me dei conta que meu tino comercial é inexistente. Porém ontem resolvi editar marromeno algumas fotos do casamento da minha sobrinha - digo mais ou menos porque meu computador não está funcionando, estou editando jpgs num netbook, calcula a paciência necessária. E, olha só, o feedback foi bom. Aliás, bom não, ótimo. A Natasha disse que minhas fotos ficaram melhores que as do fotógrafo oficial (oi?) e uma amiga minha disse até que eu deveria vender esse estilo de fotografia de casamento.


Ok, se você já clicou na palavra fotografia ali em cima, sabe que eu topo qualquer parada, menos casamento. A verdade é que eu morro de medo de falhar. Porque foto de criança, se der merda, você liga pra mãe, pede desculpas e faz de novo, ou devolve o dinheiro e estamos conversados. Mas e casamento? Deve ser muito frustrante pegar as fotos do seu casamento e ver que ficaram ruins. Vai casar de novo pra tirar fotos decentes? Não é assim que a coisa funciona, tem que dar certo ali e pronto.

Mas os elogios me fizeram pensar. Será que eu tenho capacidade? Acho que eu gostaria de fazer casamentos, será que eu consigo segurar o rojão?

















Bom, ainda não terminei. E sei muito bem que ser um convidado com uma câmera é bem diferente de ser o fotógrafo da bagaça. Mas... será? O que é que vocês acham? Vou abrir um Você Decide no meu blog: se você acha que sim, disque 0800-SIM; se você acha que não, disque 0800-NAOTIL. :) Brincadeiras a parte, o que vocês acham mesmo? Faço um curso? Mijogo? Largo tudo e viro hippy? Ai ai, por que as coisas* tem que ser tão complicadas?

*(as coisas, no caso, sou eu)

12 comentários:

  1. Vc arrasa nas fotos e acho que vc deve se jogar!!! Sem medo de ser feliz e fazer feliz quem vc fotografa ;)
    Bjs

    ResponderExcluir
  2. Eu SUPER te contratava pra fotógrafa.

    0800-SIM

    ResponderExcluir
  3. Ana, achei as fotos muito boas! Mas esse negócio de fotógrafo oficial é uma m*rda. As fotos oficiais do meu casamento também ficaram muito ruins, todo mundo fazendo pose, aquela coisa igual. As fotos que o pessoal tirou ficaram muito melhores, mas de 500, 30 prestam. É tudo muito espontaneo, ninguem faz caras-e-bocase nem fica arrumando o cabelo, e justamente por isso as fotos saem tao legais. Acho que você deveria investir nesse lado "nao-fotógrafo". Nao se declare fotógrafa-oficial, mas tire fotos assim mesmo e tente vender um pacote aos noivos, ou familiares... Acho que pode ser uma idéia legal! Do tipo você me convida pra festa, vou e ainda tiro umas fotos, se você gostar pode comprar, se nao, você festou, comeu e bebeu de graca... É claro que nao da pra fazer a vida assim, mas pra tirar uma experiência dá, até você se sentir mais segura para oficializar-se.
    O que você acha???
    bjo e boa sorte!

    ResponderExcluir
  4. Ana,
    Meu conhecimento de fotografia se resume a gostar de coisas bonitas (sou o esteriotipo da libriana). Mas se eu tivesse visto essas fotos no site de qualquer fotógrafo experiente em casamentos não teria me surpreendido. Estão lindas, não são óbvias, ou seja, o tipo de fotos que eu queria para o meu casamento. Se joga mulher!
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Eu certamente pagaria por fotos assim :)

    ResponderExcluir
  6. Opinião de leiga: sempre achei suas fotos lindas. Vc pega detalhes sutis e charmosos, saindo do óbvio. Eu contrataria seus serviços sem pensar duas vezes. Mas como já mencionaram, tem uma beleza na espontaneidade que dificilmente se capta na foto posada (vide essa do casal conversando e rindo na cerimônia, eu adorei). Também, eu acho uma arte tirar fotos de crianças, e vc mesmo nas caseiras já demonstra muita sensibilidade. (A modelo infantil também ajuda muito. ;-)) Acho que todo começo é difícil, em um país que não o seu de origem talvez ainda mais, mas eu torço muito por você. De verdade.

    ResponderExcluir
  7. Se joga, com certeza. Voce sabe a hora de bater a foto certa, sabe? Foi isso que notei, voce sabe exatamente o que pegar, isso eh essencial. Vai com tudo, nada como viver da criatividade, quem me dera! :) Boa sorte!

    ResponderExcluir
  8. Suas fotos ficaram lindas. Espontaneas, parece profissinal!! se joga e arrasa!!!! X

    ResponderExcluir
  9. 0800-SIM ! :-)

    Como te disse la no Facebook, voce tem um otimo olhar fotografico e por isso, nao acho que deva ter medo de entrar na area.

    Entendo o receio de perder momentos importantes e tal. Recentemente fui a fotografa oficial de um casamento e fiquei um pouco temerosa mas no final, deu tudo certo e a noiva ate chorou de emocao ao ver o resultado.

    A verdade e: quanto mais casamentos fizermos, melhores e mais confiantes seremos!

    Por isso, se jogue mesmo e boa sorte! :-)

    Beijos!

    ResponderExcluir
  10. Eu concordo com a Babi que fotos de fotografos oficiais as vezes sao um pouco forcadas, mas isso tb vai do fotografo. Um BOM MESMO sabe tirar as fotos de pose e tb ficar invisivel no meio dos convidados e fazer varios snap shots.

    Se voce esta em duvida, tenta achar algum fotografo de casamentos e vai junto como assistant photographer, ai vc testa seu talento e ve tambem se voce gostaria de fazer fotos em casamento mesmo, sem ser a fotografa principal. ;)

    ResponderExcluir
  11. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  12. Don't you dare stop taking pictures!

    Eu adoro esse estilo jornalístico de tirar fotos, os detalhes, as expressões naturais, nada daquela maquiagem de sentimentos.
    Sorri. Vira pra esquerda. Levanta um pouco a cabeça...
    O fotógrafo que um dia eu quero ser é exatamente o que não espera pela pose mas encontra a beleza no dia a dia. É muito pedir pra ser como o Bresson né? Mas nada como sonhar...

    Suas fotos são lindas, Ana.
    Don't stop believing!
    0800 SIM!
    You go girl!

    ResponderExcluir

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...